Sobre a Palavra na Célula

0

Tenho recebido várias mensagens com dúvidas sobre o momento da palavra na célula. Alguns querem saber como fazer, o que pode o que não pode, sobre quais temas falar, outros têm pedido para que o projeto AMC comece a produzir esse material para as células.

O AMC não irá produzir esse tipo de material. Eu explico, o tempo da palavra é algo muito especial, e sem dúvida é algo que deve ser bem preparado e buscado de Deus.

Pensa comigo. Já imaginou se todas as pessoas do mundo fossem obrigadas a usar calças verdes, de um único modelo, tamanho 38? Isso seria um problema! Muitos não gostam de verde, outros vestem números maiores ou menores, ou seja, poderia servir para alguns mas muitos ficariam insatisfeitos. Aqueles que ainda gostassem de verde e vestissem número 38 seriam privados de outras cores e modelos.

O mesmo se aplica à palavra ministrada na célula. As ovelhas precisam de algo específico, um alimento personalizado de acordo com maturidade, necessidade e realidade, e ninguém melhor do que o líder e os membros do pequeno grupo para buscarem da parte de Deus esse cardápio equilibrado, já que vivem no contexto.

O intuito do projeto AMC sempre foi auxiliar, ensinar a pescar e não dar o peixe. Pois acreditamos que assim, o líder não ficará engessado e pode usar toda a criatividade dada por Deus para adaptar nossas ideias à sua realidade.

Levando isso em conta vou explicar como fazemos o momento da palavra nas células da minha igreja. O nosso ponto forte é saber fazer boas perguntas. Como assim? Explico novamente.

O momento da palavra em nossas células nada mais é do que ruminar a palavra que nos foi pregada no domingo antes da reunião da célula. Você deve estar pensando, então vocês repregam a palavra do Culto de Celebração? Que chato!

Não. Entendemos que no Culto de Celebração as pessoas recebem algo, que muitas vezes as toca, geram reflexões profundas e dúvidas também, logo, querem falar sobre isso com outros, expor o que está em seus corações, compartilhar. É aí que entram as perguntas.

Usamos, então, o tempo da palavra para esse fim. O responsável por facilitar esse momento faz um resumo de no máximo 3 minutos do que foi a palavra do domingo para relembrar e situar aqueles que não participaram do culto e investe todas as forças em boas perguntas. O nosso objetivo na palavra é fazer com que as pessoas falem, se abram e exponham suas opiniões.

Isso é fantástico! Para mim o momento mais esperado da célula é o da palavra, pois sou edificado através dos meus irmãos e posso edificá-los através do que Deus falou comigo.

Vantagens:

  • Evita ser um momento chato, em que somente um fala;
  • Participantes tem a oportunidade de expor pensamentos, dúvidas;
  • O líder atento pega, nas falas, algumas coisas que precisam de atenção especial na vida da ovelha (sofismas, pecados, necessidade de cura, necessidade de luz e etc.);
  • A bíblia diz que há sabedoria da multidão de conselhos. Os participantes são edificados e muitas vezes confrontados pelas falas uns dos outros.
  • Se torna um tempo descontraído, dinâmico e divertido.
  • Todas as células falam sobre o mesmo assunto – consequentemente a Igreja, gerando unidade – na essência, sempre respeitando a particularidade de cada célula.
  • A palavra do culto é revista e consolidada na mente e coração dos membros.

 

O pulo do gato

O grande segredo dessa estratégia não é focar no resumo e repregar a palavra, mas saber fazer boas perguntas. Use a maior parte do tempo para isso. Ao preparar esse momento elabore questões que vão incentivar as pessoas a falarem. Use seu convívio com a célula para jogar questões que se alinhem à realidade do seu pequeno grupo.

Não faça perguntas gerais e sem criatividade. Elabore questões que  façam as pessoas pensarem, refletirem. Que geram dúvidas, pois é um tempo oportuno para o ensino também.

 

Mas, e se ficar aquele silêncio constrangedor?

O que vai determinar a participação no momento da palavra é o nível de comunhão da sua célula. Quanto maior a intimidade do grupo, mais fluência e menos momentos de silêncio haverão.

Se sua célula ainda está em tempo de construir esses laços mais íntimos, uma dica que dou é: combine com pessoas que são mais maduras (podem ser colíderes) e são articuladas para intercederem nos momentos de silêncio. Você pode – claro, combinando de antemão – direcionar as perguntas caso haja um momento de silêncio.

Com o tempo você vai pegar o jeito e encontrar a melhor forma de aplicar essa estratégia em sua célula. Espero que tenha ajudado. Paz!

Sou um apaixonado por minha esposa Danielle, minhas filhas Wanessa, Ana Cecília, Ana Liz e meu caçulinha Téo. Cristão, designer, idealizador do Projeto Amo Minha Célula. Amo ler, escutar, ver e estudar. Sou anfitrião de célula e trabalho com pequenos grupos desde 2005 na Igreja da Paz de Palmas/TO.

Posts Relacionados

25 Responses
  1. Sou Líder de Célula aqui em Belém do Pará;
    Realmente quendo falamos em levar a mensagem em nossa célula não é algo simples, pois estamos na frente de pessoas que ainda não conhecem a palavra de DEUS ou estão frustadas, cansadas… Mas esse artigo me ajudou e tirou muitas dúvidas.
    Parabéns!

  2. Queridos, este site é uma benção!! Estou planejando algumas estratégias novas para a minha célula e aqui encontrei dicas valiosas!! No site da minha igreja(MIBA) vocês podem encontrar lições de célula! São escritas pelo nosso Apóstolo. A cada semana uma nova lição é lançada no site. Fiquem a vontade para acessarem( Miba.com.br)!
    Deus nos abençoe! Paz.

  3. olá sou lider de um grupo de adolescentes e gostraia de saber como trazer uma palavra para via deles sem sobre carregar eles uma coisa mais animada divertida pra que eles tbm possam se abrir participar interagir desde ja agradeço pela ajuda shalon

    1. Olá, Rosymeire. Um jeito muito legal para que os adolescentes fixem a mensagem que quer passar na palavra é fazendo a célula temática, ou seja, tudo que for acontecer na célula deve remeter à palavra. Então a decoração, a dinâmica, o louvor… Tudo fica relacionado ao tema da palavra. Paz!

      1. Denise

        Tenho uma célula em Guarulhos SP.
        No começo tinha apenas eu meu marido e filho na célula mas não desistia todas as sextas-feiras eu arrumava a célula com cadeiras tipo muitas e orava antes de começar que Deus mandase a célula quem ele queria mandar e assim foi feita a vontade de Deus, o segredo é orar e fazer tudo como se fosse chegar muita gente e assim Deus fará o resto .

  4. Eu comecei uma célula e é para uma família catolicissima,
    eles nem conseguem ir à Igreja e nem em minha casa.
    Então, vou à casa deles com meus auxiliares, um casal abençoado.
    A casa é cheia de ídolos e eles ficaram chateados com os padres e não querem mais saber deles.
    Qual o momento certo para falar da idolatria?
    Aguardo retorno. Se forpossível me retorna no e-mail tbm.
    Grata.

    1. Denise

      Eu sempre faço minha célula temática hoje foi tema dia namorados sendo assim convidei casais fiz lembrancinhas ,vídeos deles falando a qualidade de cada um e fiz lembrancinhas e algumas dinâmicas.

  5. Ótimo artigo! Recentemente houve a divisão entre jovens e adolescentes na minha igreja, já que antes era um só grupo intitulado “Geração Avante”. As células também foram separadas, e eu assumi um cargo na liderança, desde que a célula iniciou seu site tem sido uma benção nas nossas vidas! O nome da minha célula é Único e Incomparável 3

    Paz!

  6. Acho genial essa forma, pois eu encontrava muita dificuldade em facilitar a palavra na célula, justamente por querer repregar o culto de domingo, ao invés de realmente facilitar. Eu acabava falando muito e não dava oportunidade e espaço para os membros manifestarem suas opiniões e duvidas!
    Uma das minhas dificuldades também era não permitir (inconscientemente), o agir do Espirito Santo no momento de direcionar a palavra a célula, não permitia o fluir Dele, por justamente ocupar e sobrecarregar a minha mente com cada detalhe e informações do culto de domingo. Não quero dizer q os detalhes não são importantes, muitas vezes são, mas o mais importante é o livre agir do Espirito Santo. Busque o direcionamento Dele! Não tem como errar!

    Feliz em ser edificado ainda mais através desse artigo do meu discipulador Brunno Campos!!!
    Parabéns, tu é uma benção!

  7. Muito bom esse post, é dessa maneira q estamos trabalhando na nossa célula, com a palavra da Celebração e Graças a Deus tem fluido; Bons resultados pois todos comentam e participam! Deus continue usando vocês.

Comente

Novos