Seja paciente com os “verdes”!

0

Quem de nós nunca suspirou de desânimo ao ver um discípulo que era super empolgado com a palavra e com a célula se desviar para outros caminhos voltando às práticas mundanas da qual fora resgatado?

Quisera Deus e cada um de nós, que todos aqueles que nascem de novo permanecessem sem nunca olhar para trás e volver-se a uma vida devassa fora dos propósitos do Senhor. Como seria muito melhor e mais fácil mentorear pessoas determinadas a esse ponto.

Já cometi o erro de pedir a Deus pessoas prontas e de questionar porque investimos tanto em alguns que “aparentemente” insistem em não cortar os laços com o mundo. No auge do inconformismo, disse a Deus que não perderia meu precioso tempo com essas pessoas. Afinal de contas, quando uma pessoa não quer, nem Deus pode fazer nada, quem dirá eu?

Quando submeti todos esses pensamentos a pessoa do Espírito Santo, rapidamente, Ele esquadrinhou o meu coração e me mostrou que aquela indignação com a falta de compromisso de alguns discípulos era, na verdade, uma desculpa da minha alma que não queria mais se esmerar na palavra e na oração para alcança-los com o mesmo amor incondicional com o qual fui alcançada.

O Senhor me perguntou: “Karol, você sabe o que significa Paciência?” Por mais que eu soubesse todas as definições desse fruto do espírito, eu me submeti a soberania de Deus e disse: “Não.”

Aquela voz mansa e suave me disse: “Paciência é o que eu tenho com você! E é isso que você deve ter com aqueles que são meus e estão sob sua responsabilidade.” Feche os olhos por um momento e diga em voz alta: Paciência é o que Deus tem comigo!

Todos nós, por mais preparados que sejamos, temos pontos a melhorar, áreas que precisamos crescer e com os nossos discípulos não é diferente. Em um pequeno grupo sempre há aqueles que são empenhados, dedicados, fervorosos.

Mas não podemos privilegiar esses com toda nossa atenção em detrimento daqueles que querem, mas, sozinhos não conseguem. Precisamos cuidar dos “verdes”, daqueles que ainda são imaturos na fé, que desistem por qualquer motivo, que olham para trás em qualquer oportunidade.

Afinal, a igreja é como um grande hospital e Jesus mesmo declarou em Mc. 2: 17 que os que estão bem não precisam de médicos e sim os doentes. Ele veio para cuidar dos problemáticos! E cada um de nós tem um tempo específico para o crescimento.

Por mais que estejamos em grupo, o crescimento não é equânime. Cada pessoa da nossa célula tem um história, uma criação que se reflete no comportamento, no entendimento e na forma como se acredita no ensinamento bíblico. Por isso, uns crescem mais rápido e outros titubeiam, questionam e se desviam.

Qual deve ser a nossa postura como líderes diante da inconstância de uma discípulo, uma vez que o próprio Deus respeita seu livre-arbítrio? Orar e Amar. Nunca perca de vista um discípulo seu na oração. Ore até quê… até que ele se firme, até que ele se torne melhor do que você na vida com Deus, até que o caráter de Cristo seja forjado nele!

Peça a Deus o coração dessa pessoa para que com Amor você possa chegar até ela. Há um equilíbrio entre falar a verdade e lançar condenação. Seja firme com o que a palavra diz e deixe isso claro para os seus, mas se eles demonstram não conseguir sozinhos, vá até o nível deles e mostre que se você conseguiu, eles também conseguirão.

Eles também avançarão! E em amor corrija, lembrando que o objetivo do correção não é o destrato, exclusão ou desforra, mas a restauração. Ame caminhando mais uma milha com ele. Como isso, nós líderes, crescemos! Lidar com pessoas é um grande desafio e você só conseguirá vencê-lo com Paciência.

Exige muito mais que um tempo cronometrado semanalmente. Exige entrega, pois quando você pensa que já fez de tudo, ainda há algo mais que pode ser feito, porque Ele não desistiu de nós, então não podemos desistir daqueles que Ele nos deu.

Karol Araújo é Publicitária, líder do Ministério de Louvor Celebrando a Verdade e professora do Rhema Brasil. É apaixonada pela Estratégia Celular e cooperadora ativa na implantação e desenvolvimento de Grupos de Comunhão e Crescimento na Igreja Verbo da Vida em Olinda/PE.

Posts Relacionados

18 Responses
  1. Senhor, tomei um tapa na cara agora rssss. Dói, mas é crescimento. Deus falou muito comigo pelo seu texto, parabens! Que Jesus continue te usando tremendamente assim viu, Deus abençoe.

  2. Gostaria de ser líder de célula, atualmente eu ajudo uma célula de um amigo meu pois ela anda fraca, e aquela coisa meio parada e como sou um cara ligado no 220w gosto muito de interação graças ao meu bom Deus e minha força de vontade ja levei sete pessoas pra celula e assete estão na igreja, gostei muito das dicas pois isso serve pra mim quando eu vou lider, e irei passar para meu lider de celula, que Deus te abencoe grandemente e que possa ajudar mais e mais pessoas com suas dicas.
    Abç.

  3. sthephane

    é Karol tenho passado muito por isso , tenho me visto sozinha , vai fazer um ano que luto pela minha célula , luto para que algumas das minhas discípulas se firmem tenho orado por elas e as que estavam ainda saíram , as vezes acho ate que não tenho chamado para isso , mas sabe apenas tenho me deleitado no senhor !! pedindo que ele me firme e não me faça desistir !!

    1. Sthephane, é tempo de perseverar! É claro que vc tem chamado para isso, vc é uma mãe de multidões. É isso que a palavra de Deus diz ao seu respeito. Seja paciente com o seu crescimento e com o crescimento dos outros, não veja isso como um peso, mas como um prazer. E, não se preocupe. A nossa função é semear a palavra, quem vai convencer o homem do pecado e do juízo é o Espírito Santo e não vc! Ore até que e eu tenho certeza de que Deus já está movendo as coisas ao seu favor!

Comente

Novos