Em julho de 2010 nasceu o Projeto Amo Minha Célula, em meio a um momento de turbulências que o setor de células o qual supervisiono vivia. Alguns líderes estavam em crise e desanimados em relação aos seus grupos. A pergunta que fazia a Deus era: Como tornar as células um lugar em que as pessoas gostem e sintam prazer em estar?

Creio que atualmente não exista uma estratégia mais eficaz, que alcance e forme discípulos de Jesus, tanto quantitativamente quanto qualitativamente, como células. As maiores igrejas cristãs do mundo são as que adotaram essa estratégia, como a Igreja de Yodo na Coréia do Sul com mais de 1 milhão de membros, a MCI na Colômbia com mais de 200 mil membros e bem perto de nós, aqui no Brasil, a Igreja da Paz de Santarém (PA), com mais de 50 mil membros e número superior a 6 mil células. Dados os fatos, nada mais sábio do que investir de forma consistente nesse modelo.

Células não surgiram como uma moda da atualidade, mas foi algo praticado desde a igreja primitiva. Em Atos 2:46 está escrito:

Todos os dias, continuavam a reunir-se no pátio do templo. Partiam o pão em suas casas, e juntos participavam das refeições, com alegria e sinceridade de coração.

Durante o semestre que se seguiu o projeto foi amadurecendo e tomando forma. E a resposta àquela pergunta me foi dada. Não existe nada mais prazeroso do que participar de algo que é feito com excelência. É motivador ver o resultado de algo que foi feito com paixão e amor. Essa é a resposta para a pergunta, a célula deve ser realizada com excelência e qualidade e quem tem essa atitude está demonstrando amor por seu pequeno grupo. Devemos amar a nossa célula! Em 1ª João 3:18 se lê:

Não amemos de palavra nem de boca, mas em ação e em verdade.

A essência do Projeto Amo Minha Célula é essa! Agirmos e termos atitudes de amor para com a nossa célula. Lembremos que amor é uma atitude, uma escolha e não um sentimento. Quando escrevo “célula” me refiro às pessoas que a compõe! Elas são a célula e quando nos esforçamos para que uma célula se desenvolva de forma prazerosa e excelente estamos amando pessoas e isso é o que vale a pena. Pessoas são o que importa para Deus!

Mas então como podemos colocar este projeto em prática?
Foi pensando nisso que surgiu a ideia do blog, voltado para líderes de célula, que desejam praticar a excelência em seus grupos. Aqui compartilharemos textos, dicas, estratégias voltados para a célula. O Amo Minha Célula é um projeto aberto e feito por líderes de célula, logo sua experiência e contribuição serão muito bem vindos!

Vale salientar que o projeto é interdenominacional, e recebe cobertura da Igreja da Paz de Palmas/TO. Eu, juntamente com minha esposa, somos discipulados pelos Pastores Jackson e Meila, sem essa cobertura preciosa sobre nós não poderíamos desenvolver com excelência este sonho.

Que Deus nos abençoe!

Brunno Campos de Oliveira