Como motivar pessoas na célula

14

É comum pessoas me abordarem com um questionamento: como motivar as pessoas da minha célula? Como levar os membros do pequeno grupo a se comprometerem?

A motivação é algo fundamental para a saúde da célula. Durante esses quase 15 anos envolvido com pequenos grupos pude viver, entender e aprender muitas lições e hoje quero trazer 6 dicas para tentar te ajudar nesse desafio.

Deixo claro que não existe nada mágico, rápido e fácil. Liderar uma célula sempre vai exigir de você tempo, disciplina, paciência e muito amor. Aplicando essas dicas, você pode alcançar resultados e tirar seu grupo de uma situação de risco. Vamos lá?

Gere senso de identidade

Seu grupo precisa ter uma identidade, não é somente ser classificado como célula de jovens, adultos ou crianças. Você precisa ir além.

Comece por um nome que ressalte o propósito e a razão de existir do seu grupo (leia o artigo Um nome para minha célula). Batizada a célula elabore um logo que remeta ao nome, uma identidade visual que os identifique.

A partir desse logo, você pode criar um perfil no Instagram, por exemplo, e compartilhar fotos dos encontros e eventos realizados pelo pequeno grupo, confeccionar camisetas e vários brindes.

Na célula que funciona em minha casa mandamos fazer copos estilizados com o logo e perfil do nosso Instagram e toda vez que recebemos uma pessoa nova a presenteamos. Ela recebe um brinde legal, bonito, funcional e ainda sempre que o ver se lembrará da nossa célula.

Não se esqueça de sempre usar seu logo nas decorações das reuniões e atividades extras.

Sua célula já se encontra em um nicho: jovens, casais, crianças. Dentro desses universos existem muitas peculiaridades, afinal são pessoas. Faça uma análise do seu pequeno grupo. Qual perfil do meu grupo? Artistas? Atletas? Geeks? Empresários?

Identifique essas características e fale a linguagem deles, promova eventos que valorizem os seus interesses. Isso facilitará para que novas pessoas que têm esses mesmos gostos cheguem ao grupo e permaneçam.

O senso de identidade gera unidade, ressalta o propósito do seu pequeno grupo e isso é motivador.

Saia da rotina

As relações entre as pessoas são dinâmicas, e raramente elas curtem uma rotina por muito tempo. Imagina seu pequeno grupo se encontrando semanalmente em uma reunião que tem um padrão e é sempre previsível o que vai rolar. Essa mesmice vai desanimar a galera.

Aproveitando o dia da reunião, faça encontros especiais todos os meses. Planeje um encontro com temática diferenciada – noite de luau com louvor, festas caracterizadas, rodízio de pizza, clube do livro por exemplo.

Vá para um lugar que não o de sempre, pode ser a casa de outro membro, praia, clube, restaurante. Aqui na minha cidade tem um bar que oferece diversos jogos de tabuleiro, é muito legal!

Convide pessoas diferentes para dar uma palavra, testemunho ou ensinar algo: como fazer planilha financeira, como decorar versículos de forma consistente, como se alimentar de forma saudável, como ter uma relação sustentável com o meio ambiente, esses são só alguns exemplos. Bole ideias que vão de encontro ao seu grupo, como escrevi no item anterior, fale a linguagem deles.

A cada dois, três ou 6 meses faça um grande evento. Esse deve ser muito bem planejado, algo de alta qualidade. Pode ser uma noite com jantar de gala especial, em que você honre os anfitriões, algum membro da célula, ou até mesmo aquelas pessoas que acabaram de chegar (leia o artigo Eu + 1, nele ensino uma estratégia para atrair pessoas para seu pequeno grupo).

Me lembro que minha esposa fez um acampamento de um final de semana em uma célula que liderava, foi demais esse tempo que a galera passou junto!

Não deixe seu célula cair na rotina. Aqui dei só algumas sugestões. Use sua criatividade e motive seu grupo!

Mantenha-se motivado

Já ouviu aquela expressão: “Essa célula é a cara do líder”? Isso é um fato! Observe os líderes de grupo na sua igreja, geralmente, os membros serão reflexo deles.

Se o líder tem uma tendência para evangelismo, a célula vai seguir por esse caminho, se ele for amoroso a célula também se destacará nisso, é natural.

Logo, um líder motivado contagia! Mas como me manter motivado? Escrevi esses artigos que podem te ajudar: Segredos para não Desanimar e Como Vencer o Desânimo.

Uma das coisas que mais matam células é o desânimo de um líder. Quando o pastor é ferido as ovelhas se dispersam. Essa “doença” contamina fortemente o grupo. Não caia nessa armadilha, aprenda a se automotivar e influencie de forma saudável seu grupo!

Seja excelente

Um dos motivos que em 2011 me levaram a criar o projeto Amo Minha Célula foi a necessidade de fazer as pessoas entenderem quão importante é liderar uma célula com excelência.

Eu li uma pesquisa – não me lembro se na internet ou algum livro – que dizia, os primeiros 15 minutos de uma pessoa em um lugar definirá sua escolha de voltar ou não. Isso nunca saiu da minha cabeça.

Desde então eu sempre quero proporcionar a melhor experiência possível para uma pessoa – posso falhar, como já falhei, mas estou sempre tentando. Quero o melhor ambiente, a melhor recepção, a melhor dinâmica. Vou fazer um evento, quero que seja o melhor de todos! Eu sempre penso nesses primeiros 15 minutos!

E isso gera motivação no grupo. Eu me lembro quando inciei uma célula em casa e comecei a fazer o melhor que podia em todos os aspectos, pintei e decorei o ambiente, fazia recepções, dinâmicas e o momento de facilitar a discussão da palavra de maneiras diferenciadas, a atenção para os novos era especial e cuidadosa.

Fiz isso por um mês, até que o grupo percebesse como deveria ser feito. Quando deleguei a primeira semana de tarefas fui surpreendido pela excelência com que cada um fez a sua parte. As pessoas são criativas de uma forma que você não pode imaginar. Você só precisa ajudá-las a chegar nisso. Seja o exemplo.

Isso gera um efeito em cascata, pois a cada semana o membro quer se superar na excelência, elevando cada vez mais o nível. É motivador para o grupo e faz com que os participantes se sintam muito bem.

Escrevi um artigo dando orientações e dicas para os momentos da sua reunião. Não deixe de ler: A melhor célula do mundo [dicas práticas] e lembre-se sempre como são fundamentais os primeiros 15 minutos!

Tenha alvos

Em seu livro Crescimento Explosivo da Igreja em Células, Joel Comiskey afirma que células que têm alvos aumentam para 75% as chances de multiplicar.

Não existe algo tão motivador para um pequeno grupo quanto multiplicar-se! A multiplicação é o sinal de que o objetivo foi atingido, foi um sucesso, certamente novas vidas foram alcançadas e consequentemente transformadas!

Mas mais importante do que ter alvos é comunicá-los constantemente. Assistindo uma aula do Pr. Douglas Gonçalves, do JesusCopy, ele conta como desenvolveu o seu projeto focado em um alvo: fazer com que pessoas se tornassem cópias de Jesus, então tudo que eles desenvolvem e oferecem para as pessoas é com o objetivo de fazer cópias de Jesus! Convenhamos, eles são um sucesso! Uma inspiração!

Tenha alvos! Não somente de multiplicação, mas estabeleça pequenos objetivos para alcançar a multiplicação. Lance desafios de trazer visitantes, elabore eventos que foquem em seus alvos como célula.

Seu grupo, sabendo pra onde está indo, conhecendo a meta vai estar sempre motivado a cumpri-la.

Esses artigos podem ampliar sua ideia sobre alvos: Estabeleça Metas, Três Atitudes que Multiplicam Células e Planejando Minha Célula.

Um ponto importante que quero tocar pra encerrar esse tópico e prosseguirmos para o próximo. Tenha em mente que a multiplicação não se trata somente de números, mas de vidas.

Cuidado para não tentar bater alvos e metas a qualquer custo colocando os objetivos acima das vidas. Ame as vidas que Deus te deu para cuidar e todo resto virá, você vai ver.

Cultive relacionamentos fortes

Lembre-se sempre, a célula não é uma reunião, não é um lugar, não são os eventos e nem os alvos. A célula são as pessoas!

Tudo que envolve a célula, tudo que fazemos para que ela seja um sucesso, todas a estratégias e ações visam somente uma coisa: atrair pessoas a Cristo para que Ele as transforme.

Se falharmos na construção de relacionamentos fortes em nosso grupo todo o resto pode ser comprometido. Quando os relacionamentos são sólidos tudo flui de forma melhor.

Os benefícios de relacionamentos saudáveis e fortes em um a célula são muitos:

  • Reuniões e encontros mais prazerosos, por causa da intimidade. O que gera um ambiente de amor, fé e alegria, e influência profundamente quem tem contato com o grupo pela primeira vez;
  • Discussões na hora da palavra fluem mais. Por causa da intimidade e ambiente de aceitação não temem expor suas opiniões;
  • Empatia e misericórdia pela vida do outro aumentam;
  • Por viverem essa unidade é mais fácil promover eventos em que todos estejam presentes, afinal querem estar juntos dos amigos verdadeiros;
  • Facilidade em tratar temas mais delicados como confrontar alguma atitude errada;
  • Alegria em servir a célula com alguma tarefa durante a semana.

Como posso construir esses relacionamentos fortes?

  • Não tem como criar laços fortes sem ter tempo. Invista muito tempo. Me lembro quando era jovem e liderava uma célula de adolescentes, passei a me privar de andar com a turma da minha idade para estar com eles. Os resultados vieram depois de um tempo;
  • O líder deve começar esse processo e se relacionar com todos do grupo e depois expandir essa rede entre os membros;
  • Visite nem que seja por 15 minutos os membros da célula durante a semana;
  • Ligue, mande mensagens;
  • Faça o Amado da Semana, em que todos os membros da célula irão demonstrar amor de alguma forma a uma determinada pessoa do grupo;
  • Estabeleça parceiros de oração (duplas ou trios) que orem uns pelos outros durante a semana e na própria reunião de célula;
  • Estabeleça quando possível discipuladores para cada membro;
  • Incentive os membros a saírem juntos, comerem uns nas casas dos outros durante a semana. Líder, chame as pessoas para comerem em sua casa;
  • Nunca se esqueça do aniversário dos membros e promova uma comemoração quando a data chegar;
  • Viagem juntos;
  • Participem de congressos e conferências juntos. Organize caravanas;
  • Faça um clube do livro. Use um dia da reunião para discutirem o livro proposto, pode ser um livro da bíblia também.

Que motivador é para as pessoas fazerem parte de um grupo em que são aceitas, amadas, servidas e são levadas ao amadurecimento em Cristo, ou seja fazer parte de uma família.

Essas são algumas ideias, e sei que você deve ter muitas outras, então compartilhe aqui nos comentários e ajude outras pessoas.

Nos ajude a espalhar esse conteúdo. Compartilhe pelo

Whatsapp

Copie o link, faça o download das imagens e divulgue 😉

http://bit.ly/2xZro8Z

Sou um apaixonado por minha esposa Danielle, minhas filhas Wanessa, Ana Cecília, Ana Liz e meu caçulinha Téo. Designer, idealizador do Projeto Amo Minha Célula. Amo ler, escutar, ver e estudar. Sou anfitrião de célula e trabalho com pequenos grupos desde 2005 na Paz Church Palmas/TO.

Posts Relacionados

2 Responses
    1. Brunno

      O legal é não saber, mas com o tempo as pessoas vão sacando se serão elas ou não naquela semana. Esse efeito surpresa é legal de fazer pelo menos com o primeiro, então escolha para ser o primeiro aquela pessoa estratégica que precisa se sentir muito amada 😉

Comente

Novos

Dinâmica - real ou falso