As Fases da Célula

0

Que parâmetro você usa para saber em qual fase sua célula está? Como você define o tempo para multiplicação? Há um planejamento ou é mais no “deixa a vida me levar”?

É muito importante que o líder e a célula saibam em qual estágio o pequeno grupo está, para que as ações requeridas sejam específicas e certeiras, aumentando a chances de sucesso consideravelmente.

Uma pesquisa feita por Joel Comiskey chegou à conclusão de que células na América Latina levam em média 7 meses para multiplicar. A seguir apresento um quadro, que não é regra, mas uma sugestão para que a célula se situe e reconheça em qual estágio se encontra.

Integração

Sugestão do tempo: 1 mês.

Alvo: Formar relacionamentos.

Desafio: Há uma falta de compromisso. Frases comuns: “Não tenho muito tempo”. “Estou cansado”. “Ainda não conheço bem as pessoas”.

Prática: Promova muitas atividades para que a célula esteja junto. Ex.: Piquenique, jogos, passeios, almoços, cinema, clubes, etc. Amplie o tempo da dinâmica para solidificar os relacionamentos. Dê tempo para os testemunhos. Focalize amizades e interesses comuns. Em resumo, invista muito tempo com sua célula. Existem um líder em minha igreja que quando uma célula da sua área multiplica ele aconselha os líderes a fazerem nos quatro primeiros encontros somente comunhão, regada a muita comida, bebida e conversa, para que os laços se estreitem com maior rapidez.

Consolidação

Sugestão de tempo: 1 mês.

Alvo: Aprofundar relacionamentos e estabelecer a identidade do grupo.

Desafio: Colisão de valores. Frases comuns: “Não me compreendem”. “Não sou aceito”. A tendência é cada um pensar em si mesmo. Comparação com outras células.

Prática: Compartilhe com a célula que os conflitos são naturais e fazem parte da vida do grupo. Envolva os membros nas decisões e deixe-os compartilhar sentimentos profundos. Divida as responsabilidades com os mais maduros. Trabalhe fortemente a unidade.

Treinamento

Sugestão de tempo: 2 meses.

Alvo: Amar e edificar uns aos outros.

Desafio: Após os conflitos das duas primeiras etapas o perigo agora é querer se fechar para não ser perturbado. Surge um certo egoísmo. Frases comuns: “Ah! Como é maravilhosa nossa célula. Quero permanecer nesta célula pelo resto da minha vida”.

Prática: É hora de lembrar que alcançar os perdidos e multiplicar também são propósitos da célula. Fortaleça os relacionamentos discipulador/discipulo.

 

Evangelismo

Sugestão de tempo: 2 meses.

Alvo: Alcançar não cristão.

Desafio: A célula estagnou. O ânimo da etapa anterior começa a ser afetada pela falta de sangue novo. Frases comuns: “No momento não tenho nenhum amigo não cristão”. “Eu não tenho o dom do evangelismo”. “A minha célula não é atraente para os meus amigos”. “Não tenho tempo para evangelizar”.

Prática: Lidere o grupo para alcançar os perdidos. Crie um mural com os nomes das pessoas que vocês querem ver salvas e ore por elas em toda reunião da célula. Faça atividades evangelísticas: Festa de aniversário, almoço, passeios, eventos de colheita pessoal, com a célula e toda a igreja. Incentive os membros a investirem na vida de pelo menos uma pessoa com propósito.

 

Multiplicação

Sugestão de tempo: 1 mês.

Alvo: Caminhar para a multiplicação.

Desafio: Podem surgir sentimentos negativos, tristeza, medos, dificuldades de aceitar mudanças. Frases comuns: “Vou ter que começar tudo de novo!”. “Ah! Agora que o grupo está tão bom!”. “Será que terei afinidade com o outro grupo?”.

Prática: Fale aos membros sobre essa etapa o quanto antes. Lembre-se uma data de multiplicação deve ser estabelecida assim que a célula nascer. Faça deste período algo muito agradável. Aja com sabedoria e consenso. Explique que a célula é vencedora, pois alcançou o seu objetivo maior. Celebre essa conquista.

Abaixo disponibilizo para download esse quadro em forma gráfica.

[button style=’blue’ url=’https://www.amominhacelula.com.br/wp-content/uploads/2016/02/estagio_celula3.pdf’ icon=’entypo-download’ fullwidth=’true’ target=’_blank’]Download[/button]
Deus o abençoe!

 

 

Sou um apaixonado por minha esposa Danielle, minhas filhas Wanessa, Ana Cecília, Ana Liz e meu caçulinha Téo. Cristão, designer, idealizador do Projeto Amo Minha Célula. Amo ler, escutar, ver e estudar. Sou anfitrião de célula e trabalho com pequenos grupos desde 2005 na Igreja da Paz de Palmas/TO.

Posts Relacionados

20 Responses
  1. Boa tarde irmão brunno, em minha celula (Gcc) estamos na fazê de treinamento e apenas 1 menina mostrou interesse na célula as outras estão dispersas e eu gostaria de saber como despertar o interesse dessas outras jovem e fazer elas convidarem outras meninas

  2. Boa Noite Sou pastor da Igreja Beth Shalom,estamos no início de nossos trabalhos e estou liderando nossa primeira célula,gostei muito de aprender a cerca das fases da célula realmente foi edificante.
    Mais eu gostaria de saber se em todas as fases pode chegar pessoas novas na célula ou só podemos trazer pessoas novas na fase da evangelização ?? Abraço Deus abençoe!!

  3. Nossa célula está num momento de substituição de liderança, então vejo que estamos passando por todas etapas ao mesmo tempo, menos a multiplicação, pois tem gente nova chegando, os que ja estavam estão fechados e andando independentes.

  4. Olá Bruno, ótimo dia!

    Muito obrigado por compartilhar esse material e pela disposição em edificar o corpo de CRISTO dessa maneira.
    Que voce seja abençoado por DEUS, e continue sempre avançando e crescendo no propósito DELE!

    Estamos em transição para o modelo celular, e começamos agora a implantar as fases da célula. Inicialmente dividimos as fases em 4 estágios: Consolidação, Edificação, Serviço e Multiplicação; mas o conceito das nossas fases são muito semelhantes a esses que voce mostra.
    Voce acha que existe alguma desvantagem de trabalharmos com 4 fases ao invés de 5?

    1. Não acho que exista desvantagem. O interessante é ter um caminho pra seguir. Com o tempo vcs vão fazendo as adaptações para adequar ao que me melhor se encaixa na realidade de vcs. Paz!

  5. Olá brunno, obrigada por compartilhar seu conhecimento conosco.
    Gostaria de saber se você já passou pela situação de uma célula que já passou do período de multiplicação sem multiplicar e começa a ‘morrer’.Deus abençoe.

    1. Olá, Laura. Essa situação é comum em células, já passei por ela. Biologicamente, células que não multiplicam acabam morrendo. O ideal é injetar ânimo nos participantes de forma que eles atentem para o propósito do pequeno grupo, que é ganhar almas. Eu, por experiência, tenho certeza que quando novas pessoas começarem a chegar na célula o ambiente vai mudar e vida vai começar a ser gerada. Pense sobre isso, ok? Paz!

  6. Olá , gosto muito desse trabalho de apoio e que edifica e faz nos mais confiantes com esse tipo de crescimento do Reino de Deus. Eu tenho uma pergunta que acho q alguns enfrentam. Na hora da multiplicação, quem deve seguir com o novo grupo e quem pode permanecer no atual? Grande abraço em Cristo

    1. Acho sensato deixar juntos o que tem amizade profunda, os que foram ganhos devem ficar junto com que o ganhou (por questão de discipulado). Questão de proximidade física tbm deve ser levada em conta, não é legal mandar uma pessoa pra um célula muito longe de sua casa. Basicamente essas questões devem ser levadas em conta, ok? Paz!

  7. Sou pastor e faço parte do modelo dos 12 MINISTÉRIO DA RESTAURACAO em Manaus mais os passos aplicados por você meu amigo me esclareceu muito sobre multiplicação

    converterá irei aplicar nas minhas células

    desde já um abraço

    Shalom!!!!

Comente

Novos